Wednesday, 21 December 2011

D254 - Noite de Bruma

Noite de Bruma cerrada... nada se vê...e quanto mais forte é a luz, mais escuro é o caminho...e seguimos... chegamos ao alto, o frio congela-nos os ossos, mas resistimos! Quando chegamos ao cume da montanha, a Bruma insiste, mas dá-nos um céu de pequenas luzes...todas as estrelas estavam ali, prontas a nos guiar... eu e a minha luz sentamo-nos debaixo da nossa árvore, falamos com ela, sentidos a sua força a fluir, a circular entre a terra as raízes, o seu tronco, as suas folhas, o nosso corpo e o céu...somos um só ser!

No comments: